18
JAN

A MVarandas dá as boas-vindas a Fernando Resende, que se junta ao time como Gerente de Novos Mercados no eixo Sul-Sudeste para impulsionar nosso plano de expansão nacional em 2018. Fernando é tecnólogo em Eletrônica (ETE Getúlio Vargas) e Sistemas da Informação com ênfase em Gestão (FATEC-SP). Sua experiência com o mercado de tecnologia começou em 1998. “Nesta época não se falava se software ou impressora fiscal, o dominava o mercado eram as famosas Caixas Registradoras e suas complicadas parametrizações em Hexadecimal”, relembra. Logo Fernando entendeu como parametrizar estes equipamentos ...

A MVarandas dá as boas-vindas a Fernando Resende, que se junta ao time como Gerente de Novos Mercados no eixo Sul-Sudeste para impulsionar nosso plano de expansão nacional em 2018. Fernando é tecnólogo em Eletrônica (ETE Getúlio Vargas) e Sistemas da Informação com ênfase em Gestão (FATEC-SP). Sua experiência com o mercado de tecnologia começou em 1998. “Nesta época não se falava se software ou impressora fiscal, o dominava o mercado eram as famosas Caixas Registradoras e suas complicadas parametrizações em Hexadecimal”, relembra.

Logo Fernando entendeu como parametrizar estes equipamentos dentro do que era possível na época, e com isso ganhou a atenção da Bematech, que em 2003 o recrutou para atuar na área de treinamento para revendas. Enquanto isso, o cenário de tecnologia em automação era de evolução rápida, impulsionada por uma legislação que mudava constantemente. Em 2005 ingressou a equipe Comercial, criando e fechando novos negócios com grandes empresas como Riachuelo, Marisa, Supermercados Epa, Boticário, entre outros.  “Eu atuava com o canal de revendas, ajudando-os a alcançar o cliente, apresentar os produtos e elaborar propostas, buscando sempre algum ponto no projeto que nos diferenciasse da concorrência. Viajei pelo Brasil capacitando revendas e dando palestras sobre os benéficos da tecnologia e da automação para grupos de empresários”, conta.

O trabalho de Resende alcançou em 2007 outros países da América Latina, experiência que ampliou sua visão sobre a automação comercial com o objetivo puro de gestão. O interesse pelo assunto fez com que ele aceitasse o desafio de em 2009 assumir um projeto de gestão em uma fábrica no Paraguai, levando para sua carreira um enorme conhecimento sobre desenvolvimento de empresas, mercados e negócios. Seu retorno à Bematech foi em 2013 com o objetivo de fazer a empresa liderar novamente o mercado, que naquele ano havia sido tomado pela concorrência na Paraíba e no Rio Grande do Norte. “Atuei diretamente nutrindo as revendas e o resultado foi que em menos de um ano o ‘share’ foi recuperado, passando de 30% a mais de 70%, a as metas foram superadas em mais de 50%.

Mas foi na Paraíba, em 2015, que Fernando conta que participou daquele que fora seu maior projeto profissional até então: a GMI Distribuidora. O desafio era captar mais revendas e vender mais a fim de tornar a GMI um distribuidor de nível nacional. O resultado foi que em 18 meses a empresa dominava o Nordeste com mais 300% de crescimento em faturamento.

Ele disse bem: foi seu maior projeto até então. O desafio que sem dúvida virá a ser seu novo grande feito será projetar e expandir os negócios da MVarandas no Sul e Sudeste, trabalho que já vem sendo feito com ótimos resultados. “Venho somar a esse time para ajudar a aumentar a captação e conversão de clientes. Vou atuar diariamente lado a lado com as nossas revendas e o resultado disso é que todos cresceremos juntos”. Não temos dúvidas, Fernando! Seja bem-vindo!


Avatar









17
JAN

Que tal investir em conhecimento sobre empreendedorismo e business? Listamos alguns eventos imperdíveis de 2018 para você se programar: FEVEREIRO: Núcleo Food 23 a 25 de fevereiro - São Paulo Site: http://www.nucleofood.com/ MARÇO: Super Rio Expofood 20 a 22 de março - Rio de Janeiro Site: ...

Que tal investir em conhecimento sobre empreendedorismo e business? Listamos alguns eventos imperdíveis de 2018 para você se programar:

FEVEREIRO:

Núcleo Food
23 a 25 de fevereiro - São Paulo
Site: http://www.nucleofood.com/

MARÇO:

Super Rio Expofood
20 a 22 de março - Rio de Janeiro
Site: http://superrio.com.br/evento/

ABRIL:

Feira do Empreendedor SEBRAE
07 a 10 de abril - São Paulo
Site: http://feiradoempreendedor.sebraesp.com.br

Rio Creative Conference
03 a 08 de abril - Rio de Janeiro
Site: http://rio2c.com

MAIO:

Brasil Expo Franquias
04 a 06 de maio - Blumenau
Site: http://www.brasilexpofranquias.com.br

JUNHO:

BlastU
12 e 13 de junho - São Paulo
Site: https://www.blastu.com.br

FISPAL Food Service
12 a 15 de junho - São Paulo
Site: https://www.fispalfoodservice.com.br/pt/home.html

ABF Franchising Week
27 a 30 de junho - São Paulo
Site: https://www.abfexpo.com.br/pt1/a-feira.html

SETEMBRO:

Expert 2018
20 a 22 de setembro - São Paulo
Site: http://www.expertxp.com.br/

Fique atento ao site da CASE (Conferência Anual de Startups e Empreendedorismo). Ainda não há data e local confirmados, mas vale acompanhar as atualizações: https://case.abstartups.com.br

Se a ideia é também colocar na agenda festivais gastronômicos temáticos ou regionais pelo Brasil para se inspirar com novidades da gastronomia e apreciar criações de vários chefs, acesse o site do Ministério de Turismo e busque por eventos do setor gastronômico: http://www.turismo.gov.br/agenda-eventos/views/calendario.php


Avatar









09
JAN

Você certamente conhece ou mesmo já usou o site Booking.com, líder mundial em conectar viajantes a hotéis e restaurantes. A empresa revelou em pesquisa recente que 43% dos viajantes brasileiros levarão em consideração a gastronomia do destino ao esc ...

Você certamente conhece ou mesmo já usou o site Booking.com, líder mundial em conectar viajantes a hotéis e restaurantes. A empresa revelou em pesquisa recente que 43% dos viajantes brasileiros levarão em consideração a gastronomia do destino ao escolher as viagens em 2018. Tal informação revela que o nicho é promissor, sobretudo se comparamos o resultado ao do ano anterior, que foi 28%. O dado não pode ser ignorado pelos empresários do ramo do food service, que devem pensar em estratégias para alcançar este público.

Listamos aqui cinco ideias para você inserir no planejamento e estar preparado para esta demanda:

1.Tenha algum apelo regional em seu menu. Ainda que a sua proposta de gastronomia seja contemporânea ou mesmo internacional, considere o uso de ingredientes típicos de sua região ou crie pratos que remetam à cultura local.

2. Seja um restaurante bem avaliado no Booking e outras redes. Seja criando ações para incentivar a avaliação dos visitantes ou investindo em uma experiência que os leve a isso de forma espontânea, é importante estar no rol dos mais apreciados para atrair os viajantes. Os turistas costumam levar essa informação em consideração na escolha.

3. Crie pratos de apresentação “publicável”. Turistas gostam de compartilhar fotos e vídeos de sua viagem, então que tal fazer com que as pessoas tenham vontade de registrar seu restaurante e seu menu como parte das experiências? E esta dica vale também para o seu público local!

4. Pense em parcerias dentro do segmento. Avalie a possibilidade de criar novas oportunidades de negócios em parcerias com empresas de ramos afins: hotéis, pousadas, agências de viagem, etc.

5. Invista em bom conteúdo e imagens apetitosas nas redes. O turista atento vai pesquisar seu restaurante na Internet quando estiver planejando a viagem – e claro, isto também se aplica ao público local que ainda não conhece seu estabelecimento. Faça com que ele deseje visitar seu restaurante antes mesmo de chegar ao destino.

Seu restaurante está preparado em termos de tecnologia para receber a demanda de seus clientes e turistas da cidade? Consulte nossa equipe e os serviços da MVarandas para seu negócio de food service!


Avatar









03
JAN

Um novo ano se inicia e todo empreendedor se faz a pergunta de sempre: “em que tendências devo investir para o meu negócio?”. No caso do food service, o desafio é sair da caixa e não pensar apenas no que os clientes desejam em relação ao consumo, mas o que eles tem buscado em termos de estilo de vida, valores e ideias – estes são, afinal, os norteadores das decisões de consumo. Listamos aqui cinco tendências que você deve ficar de olho neste ano. 1. Personalização O serviço de self-service não é novidade, mas 2017 foi o ano em que este serviço foi além do buffet de refeições e ganhou destaque em açai ...

Um novo ano se inicia e todo empreendedor se faz a pergunta de sempre: “em que tendências devo investir para o meu negócio?”. No caso do food service, o desafio é sair da caixa e não pensar apenas no que os clientes desejam em relação ao consumo, mas o que eles tem buscado em termos de estilo de vida, valores e ideias – estes são, afinal, os norteadores das decisões de consumo. Listamos aqui cinco tendências que você deve ficar de olho neste ano.

1. Personalização
O serviço de self-service não é novidade, mas 2017 foi o ano em que este serviço foi além do buffet de refeições e ganhou destaque em açaiterias, pastelarias, pizzarias, casas de massas e outros nichos. A cultura da personalização atende os desejos do consumidor de fazer do seu jeito (“do it yourself”) e conferir autenticidade e personalidade às suas escolhas.

2. Sobre veganos, vegetarianos e intolerantes
De acordo com o Estadão, o número de veganos cresce em 40% ao ano – estima-se que no Brasil somem cerca de 5 milhões. Fora desta conta estão, ainda, o público de vegetarianos. Estes não consomem carne mas, ao contrário dos veganos, admitem alimentos de origem animal. Além desta demanda, apontamos a oferta de pratos sem glúten e lactose para os intolerantes e adeptos de dieta, que também precisam entrar no planejamento dos chefs para 2018.

3. Economia melhora, mas timidamente
As análises apontam que embora as perspectivas sejam de uma retomada do consumo e de certo fôlego na Economia, 2018 ainda não será o ano de sair definitivamente da crise. Dispor de opções com preços populares e promoções para aquecer as vendas é um caminho que em 2017 já trouxe bons resultados e deve manter-se na linha de frente para as estratégias do mercado em 2018.

4. Os bots conselheiros
Em termos de tecnologia, o que mais está em alta nas discussões é o serviço de “bots”, assistentes virtuais que antecipam necessidades, ajudam na decisão e “aprendem” a interagir com o usuário que o manipula. A Fortune disse que 2018 é o ano dos bots e para o mercado de food service já se pode pensar em uma espécie de “maître” ou “conselheiro” que o ajude o consumidor em escolhas pratos e outras decisões relativas à experiência gastronômica.

5. A busca por experiência
Dentre as 10 tendências listadas pela Forbes como apostas para o mercado gastronômico em 2018, pelo menos três estão associadas à experiência do consumidor com a comida. Isto vai desde ao aspecto sensorial da gastronomia até o aconchego do ambiente e os valores da empresa.

Desejamos bons negócios e boas ideias neste novo ano!
Conte com nossas soluções, ideias e estratégias para 2018!


Avatar















CONHEÇA O MENEW PAY


INSTAGRAM







Todos os direitos reservados - MVarandas - 2018